Luísa Sonza é proibida de participar do DVD de Nego do Borel

Luísa Sonza é proibida de participar do DVD de Nego do Borel, a presença da cantora foi vetada. O motivo? Não se sabe ao certo, mas há duas explicações para o ocorrido.

Luisa Sonza, Nego do Borel

Luísa Sonza faria uma participação na gravação do novo DVD de Nego do Borel, que acontecerá no próximo dia 29, no KM de Vantagens Hall, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Porém, a presença da cantora foi vetada. O motivo? Não se sabe ao certo, mas há duas explicações para o ocorrido.

Segundo Leo Dias, após a treta que envolveu Nego e Luisa Marilac, na qual o cantor foi acusado de transfobia, o funkeiro notou que Sonza vinha recebendo muitas críticas nas redes sociais por causa da sua futura participação no DVD. Foi então que o artista decidiu tirá-la da produção.

Depois do que rolou com a Marilac, se ela cantasse no meu clipe seria julgada pelo público dela. E o público dela é LGBT“, disse Borel.

A segunda explicação, é que a Universal Music, mesma gravadora de Luísa e Nego, notificou que não pode acontecer uma parceria entre eles sem uma permissão prévia.

A situação ficou sensível por eles serem amigos. A Luísa não estava autorizada a participar do DVD do Nego em nenhum momento“, explicou Danilo Ambrosano, diretor de marketing da gravadora.

De acordo com o colunista, a cantora foi procurada e afirmou que o seu posicionamento é o mesmo da Universal Music

Após pedido de desculpas de Nego do Borel, Luisa Marilac desabafa

Luisa Marilac – que virou meme após o vídeo dos “bons drinques” –acusou neste fim de semana Nego do Borel de transfobia depois de fazer um elogio em uma foto postada pelo cantor. Pela repercussão, o funkeiro pediu desculpas por ter ofendido a travesti.

Luisa, eu quero te pedir desculpas do fundo do meu coração pelo o meu comentário. Realmente eu errei, me perdoa. É um jeito meu que eu estou tentando mudar aos poucos, a gente vai mudando, lapidando aos poucos“, afirmou ele em um vídeo postado no Instagram.

Em entrevista ao jornal Extra, Luisa explicou como se sentiu no momento e afirmou que não quer que o artista seja crucificado pelo erro que cometeu. “Você ir ali fazer um vídeo depois que o mundo decidiu cobrar de você é um conto. Tem que saber se na prática funciona desse jeito. Não quero que ele seja crucificado, que também não acho justo, mas preciso saber se ele realmente pensa como disse no vídeo ou se só fez isso porque o público cobrou”, disparou.

“Sou uma pessoa que sofreu muito nessa vida. Já tomei muita porrada, facada e sofri muito preconceito”, revelou.

Comentários

Deixe a sua opnião