Funk
Nego Blue
DJ Gá BHG - Venha fazer sua produção

MC Livinho ignora a imprensa no carnaval

Mc Livinho tem sucesso em sua carreira de funkeiro ostentação, mas a repercussão do seu nome não costuma se dar por causa de suas músicas. Livinho sempre se envolve em alguma polêmica e neste Carnaval não foi diferente.

Livinho esteve no Sambódromo da Marquês de Sapucaí, ocasião em que assistiu ao desfile das escolas de samba direto do camarote Wood’s. Segundo o site TV Foco, o funkeiro demonstrou bastante antipatia e ignorou todos os jornalistas, além de se recusar a tirar fotos.

Em determinado momento, Livinho teria comentado com um segurança que sente nojo da mídia e que se puder, irá ignorar a imprensa toda vez que tiver oportunidade. Para evitar confusão, uma pessoa responsável pela representação do Wood’s anunciou para a imprensa presente no local que o MC não conversaria com os jornalistas. Pouco depois o funkeiro fez a foto oficial para o camarote e se manteve em silêncio.


Outras polêmicas de MC Livinho
Em junho de 2017 o cantor foi parar na delegacia para prestar esclarecimentos sobre uma briga que teve com o dono de uma empresa que loca quadriciclos. Nunca foi esclarecido o que aconteceu, mas Livinho havia alugado um dos equipamentos da empresa para um passeio e foi depois disso que aconteceu a briga. Já em novembro do mesmo ano, Livinho não gostou de um fã reclamar do atraso de três horas no seu show e lhe agrediu com um soco no rosto.

 

MC Livinho é acusado de injúria racial, mulher negra já foi à delegacia para denunciá-lo

O cantor MC Livinho terá que enfrentar uma grande polêmica pela frente, pois uma modelo negra, que trabalhou para o cantor, ao participar de um dos seus clipes, foi à delegacia e registrou um boletim de ocorrência, acusando-o de injúria racial. A mulher foi à 27ª Delegacia de Polícia de São Paulo e agora a polícia irá iniciar as investigações, podendo ouvir testemunhas e também o Livinho.


De acordo com o jornalista Léo Dias, a mulher se chama Rayele Costa e ficou revoltada com o cantor justamente no período em que estava trabalhando em um de seus clipes. O tempo todo ela foi obrigada a aguentar piadinhas do cantor e também de pessoas que estavam no local. O clipe em que Rayele participou teve 9 modelos negras atuando e outras 10 modelos brancas.


De acordo com a denunciante, o funkeiro a todo momento se aproximava dela e ficava colocando as mãos no seu cabelo, fingindo em seguida que teve a pele espetada. A modelo contou que não ficou calada e deixou bem claro para Livinho que ela estava se sentindo desconfortável com aquela situação, mas ele continuou mesmo assim.


O empresário do MC Livinho disse que isto não procede, até porque, o cantor é negro e foi ele que fez questão de chamar modelos negras para o clipe.


Fonte: 1news

5 meses atrás   Tags : mc livinho polemica carnaval

Comentários

Capa Funk Music
Carregando ...